A violência no campo só terá fim com a destruição de todo latifúndio!

Em operação apelidada de Liga da Justiça, a polícia prendeu onze pistoleiros sob acusação de Grupo de Extermínio no Latifúndio Peri-peri em Lagoa dos Gatos Pernambuco.

Em uma aparatosa operação policial conjunta, das policia Civil e Militar, envolvendo algumas dezenas de viaturas e outras tantas dezenas de policiais foi deflagrada ao amanhecer desta quinta-feira (12) a operação apelidada de Liga da Justiça, teve como alvo grupos de extermínio que agiam no Agreste Pernambucano, nas regiões de Caruaru, Lagoa dos gatos, Jaqueira e outras cidades da zona da mata sul e em Alagoas.

Segundo a polícia, até agora foram presos 11 envolvidos, entre os presos estão nove homens e duas mulheres. O chefe da quadrilha, identificado apenas como Gel, ex-PM de Alagoas também foi capturado na operação. Todos estavam em Lagoa dos Gatos na fazenda Peri-peri latifúndio de propriedade do Deputado Federal Eduardo da Fonte do PP, situada no Agreste pernambucano.

Com os pistoleiros foram encontrados uma espingarda calibre 12, além de farta munição calibres 12 e 38.

14 mandatos de prisão temporária foram expedidos, a operação segundo declarações da policia seguirá até que outros envolvidos sejam presos e desbaratados os grupos de extermínio que atuam na região.

Essas prisões, vem comprovar palmariamente, o que a LCP – Liga dos Camponeses Pobres de Pernambuco vinha sistematicamente denunciando já a algum tempo. Este grupo de extermínio que usava a fazenda Peri-peri como “QG” Quartel General para operar na região, é responsável por varias execuções de camponeses na região, segundo denuncias da Liga, este mesmo grupo executou o comerciante conhecido como Nanau apoiador da Liga e da luta dos camponeses pobres na região, e este mesmo grupo expulsou as famílias de camponeses acampados na fazenda, usando na ocasião muita violência e fazendo varias ameaças a moradores dos arredores da fazenda e apoiadores da Liga, criando uma atmosfera de medo e terror em Lagoa dos gatos e região.

Só faltam os Mandantes

A sociedade igualmente quer assistir, a mesma agilidade, destreza e celeridade da policia que esta prendendo os sicários armados do latifúndio, seu braço armado dos grupos de extermínio, para prender os mandantes, os latifundiários e grandes burgueses da região. Além do mais, prender não é suficiente, apenas prender é pirotecnia, estes que aterrorizam e tiram a vida do povo pobre, tem mesmo é que mofar nas masmorras semi-feudais do velho Estado juntos com os mandantes, mais ai é pedir demais, é pura quimera, miragem fruto de insolação, delírio de viajante do deserto dos nossos trópicos, como bem caracterizamos as masmorras do velho Estado não trancafiam no seu interior os seus proprietários da classe dos possuidores, donos do velho Estado, do seu velho poder e consequentemente de suas masmorras, elas tem uma única finalidade, amontoar pobres, camponeses, favelados, camelôs, desempregados etc. toda sorte de despossuídos desta nossa velha sociedade desigual.

David Capistrano