Vídeo: Camponeses tomam todas as terras da antiga Fazenda Santa Elina 25 anos após a Batalha dos Camponeses de Corumbiara

Famílias camponesas que tomaram uma das últimas terras da antiga Fazenda Santa Elina no último dia 16 de agosto realizaram uma marcha pela área ocupada após a realização de assembleia no acampamento.

A manifestação, realizada na principal entrada do Acampamento Manoel Ribeiro, dois dias depois da ocupação, foi marcada pela animação e combatividade.

Os camponeses entoaram várias palavras de ordem, que aponta o caminho para solução da crise em todo o pais: avançar na organização e luta por tomar todas as terras do latifúndio.

Erguendo bem alto as bandeiras vermelhas, além de machados, foices, facões e enxadas – seus instrumentos de trabalho – os camponeses mostraram organização e disposição de luta.

Com a ocupação do latifúndio Fazenda Nossa Senhora, os camponeses erguem o Acampamento Manoel Ribeiro, nome dado em homenagem ao vereador que foi assassinado por pistoleiros na porta de sua casa, em Corumbiara, pouco tempo após o chamado “Massacre de Corumbiara”. Conhecido como Nelinho, Manoel havia apoiado as famílias acampadas na Fazenda Santa Elina durante toda a ocupação em 1995.

Bem na entrada do Acampamento Manoel Ribeiro, junto à uma grande faixa saudando os 25 anos da Heroica Resistência Camponesa de Corumbiara pode ser visto um estandarte com a foto do Nelinho, exibida junto às imagens dos demais lutadores que verteram seu sangue pela conquista da terra para quem nela trabalha.