Seminário debate lutas populares e presos políticos

Atualmente o Brasil vive uma retomada das lutas populares e o Estado brasileiro age de forma truculenta criminalizando a luta do povo. O Estado brasileiro “ressuscitou” a Lei de Segurança Nacional, criada na ditadura civil-militar (1964-1985) e atualmente tenta aprovar uma “lei antiterrorismo”  para justificar sua ação de reprimir o povo.Mais importante do que acompanhar esses acontecimentos é papel dos advogados do povo e dos ativistas de direitos humanos organizarem-se.
No dia 14 de novembro ocorrerá em Porto Velho um importante Seminário sobre a questão: “LUTAS POPULARES E PRESOS POLÍTICOS NO BRASIL DE ONTEM E DE HOJE”. Convidamos à todas e todos ativistas, democratas, defensores dos direitos humanos e da luta do povo a participarem.